5000 dias…

 Oswaldo Montenegro, em sua música “A Lista” nos leva a refletir em como as coisas mudam em 10 anos, nos demonstra que nesse período de tempo, pessoas vem e vão, amigos surgem e desaparecem, coisas que eram urgentes e importantíssimas caem no esquecimento.

Se isso tudo isso pode acontecer em 3.650 dias imagine se colocarmos mais 1.350 a fim de chegarmos em 5.000?

Embora se comparado a eternidade isso é um sopro, para nós humanos é muito tempo,quase essa mesma eternidade se compararmos aos padrões de velocidade dessa sociedade fria e imediatista da qual fazemos parte.

Faça você um balanço, e pense, o quanto sua vida mudou nesses últimos 5000 dias? (há 5.000 dias estávamos no longínquo ano de 1996)

Além de envelhecer (claro), comigo quase tudo mudou, amores vieram e se foram, locais, casas, conhecimentos, trabalho, enfim a prova real de que por mais que possamos tentar, não temos real controle sobre quase nada.

Mas se é assim, então o que nos resta? Não ter controle não significa que não devamos agir, mas sim nos agarrar as reais possibilidades que nos cercam, porque se não o fizermos mais 5.000 dias se passarão, e ao invés de decidir, inconscientemente deixaremos que decidam por nós.

E… uma das coisas mais lindas da vida humana é que embora possam ter se passado 10, 100, 500, 5.000 ou 10.000 dias, uma história nova sempre pode ser criada, é possível corrigir os erros, a vida vai renovando as oportunidades, e se você realmente querer, se posicionar, correr atrás, as oportunidades podem voltar,e se não, novas certamente aparecerão.

Pode ter acontecido uma devastação total em você, com você, mas assim como na natureza, se você der tempo (e se empenhar um tiquinho ao menos) ali a vida pode voltar.

Por isso não deixe de agir, o “quase” é insuportável o “talvez” é um inimigo mortal de nossas almas, de nossa moral e de nossa estima, errar é humano e natural, corrigir o erro é mais humano, mais fantástico, mais sensacional, e por mais duro que pareça ser, é sempre tempo de renascer, de fazer algo novo de voltar a brilhar.

É isso.

Grande abraço a todos,

Bruno Padilha

Anúncios

~ por brunopadilha em novembro 28, 2009.

Uma resposta to “5000 dias…”

  1. Bruno, obrigada pelo comentário no meu post. A fotografia foi tirada por mim em Portugal, na região de Óbidos. É com orgulho que a vejo aqui, para representar também o teu post! Gostei… vou voltar 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: