Foco no que Realmente Importa…

É fácil perder o foco, tenho pensado muito nisso.

Observo a cada dia, pessoas, instituições, corporações perdendo o foco…

Pessoas que se amavam passam a se odiar, instituições se perdem, corporações traem seus princípios mais básicos.

Outro dia passei por algo assim, onde a perda do foco está destruindo algo precioso… tenho vivenciado e percebido crianças emburrecendo em nossas escolas, nesse naquele lugar quase que sagrado (ou que ao menos deveria tentar ser), vejo crianças perdendo as chances de uma vida, alguns perdem 10, 15 anos dentro de uma sal de aula e saem piores do que entraram, não aprendem onde é norte, sul, leste, oeste. E enquanto isso no mundo acadêmico, doutores, mestres e graduandos se perdem em questões menores, como discutir quais os fundamentos que determinam a pesquisa, quais as razões epistemológicas do conhecimento, quais no que vertentes atuais se sobrepõem ao tradicional entre outras “tonterias” que unidas estão destruindo endemicamente nossas escolas, de maneira irreversível por gerações.

Mas e em nossas vidas, será que não temos vivenciado, praticado, essa falta de foco, de forma a destruirmos a nós mesmos de maneira irreversível?

Será que temos nos esquecido de nossos filhos, amigos, daquele amor, de tudo que realmente no fim vale de verdade, e trocando todas essas coisas preciosas por um carro melhor, um terno melhor, de um cartão de crédito platinum?

Podemos construir um império durante nossas vidas, mas se deixarmos de construir o essencial nossos herdeiros estarão discutindo a partilha dos bens com nosso caixão aberto, com nosso corpo ainda quente. Já vivenciei isso de perto e garanto é triste, triste demais, é isso que VOCÊ quer?

Assim me resta perguntar… como anda seu foco? Você tem prestado atenção nisso? MESMO?

De nada adiantará correr, correr, correr atrás do vento, fazer e desfazer, acontecer se não for esse o objetivo, de nada terá valido a pena, chegaremos ao fim e teremos sido tão somente um grande vencedor solitário, um grande vencedor que perdeu a única batalha que realmente interessava.

Um grande amigo diria, pense nisso,

Abraços a todos,

Bruno Padilha

Anúncios

~ por brunopadilha em dezembro 21, 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: